Notícias

Prefeitura de Uberlândia é referência em workshop sobre aquisição de itens da agricultura familiar

Secretaria Municipal de Educação foi exemplo de gestão de recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) em evento que aconteceu em Belo Horizonte nesta quinta (20)
20 de outubro de 2022

Os bons resultados obtidos com a implementação de produtos oriundos da agricultura familiar na merenda das escolas municipais de Uberlândia fizeram com que a Prefeitura participasse, nesta quinta-feira (20), do workshop “Do campo à escola – compras da agricultura familiar para o Pnae”. Com o tema “Agricultura Familiar: Execução com Diálogo e Cooperação Mútua”, a Secretaria Municipal de Educação (SME) apresentou o trabalho referência que é feito no processo de aquisição de hortifrutis. 

O evento, que aconteceu na capital mineira, foi promovido pela Secretaria de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania, da Prefeitura de Belo Horizonte. Na oportunidade, Uberlândia foi representada pela nutricionista do Programa Municipal de Alimentação Escolar (Pmae), Marilia Martins Santos, da Secretaria Municipal de Educação, que mostrou a experiência positiva na compra de itens da agricultura familiar.

Conforme estabelece a resolução nº 6, de 8 de maio de 2020, no mínimo 30% do recurso destinado pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) deve ser utilizado na aquisição de produtos da agricultura familiar. Em 2021, por exemplo, a SME investiu 34% do recurso disponível para adquirir produtos dos pequenos produtores rurais do município. Neste ano, de janeiro até outubro, quase 32% já foram voltados para a inclusão dos itens na alimentação escolar.

“Os índices obtidos pelo município ratificam o compromisso da Secretaria com a formação educacional dos alunos. Sabemos que a merenda escolar é fundamental para aprimorar o desenvolvimento e aprendizado de crianças e adolescentes. Em paralelo, também conseguimos estimular a economia, fortalecendo a produção de nossos pequenos produtores”, contou a diretora do Programa Municipal de Alimentação Escolar, Tânia Martinelli.

Merenda na mesa

Atualmente, a SME fornece merenda escolar diariamente para mais de 70 mil estudantes, sendo que, no mínimo, 30% dos alimentos são provenientes da agricultura familiar. Os itens ofertados pela Agricultura Familiar somam um total de 28 variedades de alimentos, entre frutas, verduras, tubérculos, ovos caipira e biscoito de polvilho. 

A intermediação com os produtores conta com a parceria da Secretaria Municipal de Agronegócio, Economia e Inovação, EMATER, Conselho de Alimentação Escolar, da realização de visitas técnicas e de treinamentos que possibilitam a execução do trabalho.

Projeto Frutas Sazonais

Uma das possibilidades garantidas na alimentação escolar municipal, graças à agricultura familiar, é o Frutas Sazonais. Para viabilizar o projeto, as equipes do Pmae averiguam a disponibilidade dos itens no mercado, considerando também o que os produtores rurais sabem a respeito das épocas do ano e frutas das estações. Quando a produção agrícola de algum produto está em grande escala, geralmente os preços ficam mais acessíveis. Desta forma, os estudantes consomem itens como melão, mexerica, banana, laranja e melancia.

Veja Também