Notícias

Programa do Dmae ganha premiação do Ministério do Meio Ambiente

Autarquia ficou em segundo lugar em Melhores Práticas de Sustentabilidade da A3P na categoria Combate à Poluição nas Águas
29 de novembro de 2022

O Programa Buriti do Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) foi premiado nesta terça-feira (29), com o segundo lugar na 9ª edição do Prêmio A3P, do Programa Agenda Ambiental na Administração Pública, do Ministério do Meio Ambiente. A solenidade ocorreu em Brasília no Auditório do Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio). A autarquia concorreu com outros 15 projetos que foram selecionados para disputar o prêmio na categoria especial.

Para o diretor-geral do Dmae, Adicionaldo dos Reis Cardoso, a premiação é uma forma de reconhecimento de um trabalho que tem feito a diferença na preservação ambiental na região. “Estamos muito contentes com este prêmio, e isso nos motiva a continuar realizando ações importantes de preservação ambiental dos nossos rios”, afirmou.

A iniciativa do Programa Buriti atua na recuperação de nascentes e preservação das Áreas de Proteção Permanente (APP’s) em propriedades rurais nas bacias dos rios Araguari, Uberabinha e Ribeirão Bom Jardim acima das suas captações. O Buriti, programa pioneiro na região, já protegeu mais de 6,9 mil hectares e plantou 501 mil mudas de espécies nativas do cerrado.

A 9ª edição do Prêmio A3P reconhece iniciativas de organizações da administração pública do país na promoção e realização de melhores práticas de sustentabilidade. Os projetos inscritos foram classificados dentro de cinco categorias: Gestão de Resíduos; Uso/Manejo Sustentável dos Recursos Naturais; Inovação na Gestão Pública; Destaque da Rede A3P; e Categoria Especial: Combate à Poluição nas Águas.

<strong>Programa do Dmae ganha premiação do Ministério do Meio Ambiente</strong><strong></strong> 1
Foto: Divulgação/Dmae

Programa Buriti

O Programa Buriti atua na preservação e recuperação das nascentes nas bacias do ribeirão Bom Jardim e dos rios Uberabinha e Araguari. Desde a implantação (2008) já foram realizados 627 mil metros lineares de cerca e o plantio de 501 mil mudas nativas em uma área protegida aproximada de 6,9 mil hectares. O produtor rural não tem custo em implantar o programa. Para se cadastrar e receber os benefícios, basta entrar em contato com o Dmae pelo e-mail: programaburitidmae@gmail.com ou pelo número 3233-2564.

Compartilhe:

Veja Também