Notícias

Halterofilistas da Prefeitura e parceiros disputam Para Powerlifting World Cup a partir de hoje (28)

Primeira grande competição internacional do ano acontece até 6 de março, em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos
28 de fevereiro de 2024

A partir desta quarta-feira (28), halterofilistas da equipe da Prefeitura de Uberlândia – formada por meio da parceria entre Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel), Clube Desportivo para Deficientes de Uberlândia (CDDU) e Praia Clube – disputam a Para Powerlifting World Cup, em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Os paratletas Caroline Fernandes, Lara Lima, Mateus Silva e Tayana Medeiros e o treinador Weverton Santos, profissional de educação física da Futel, representam a seleção brasileira na competição, que será realizada até 6 de março.

A diretora de paradesporto da Futel, a profissional de educação física Fernanda Costa, lembra que o Para Powerlifting World Cup marca o início das grandes competições internacionais em 2024 e é uma grande oportunidade para os quatro paratletas, pois todos buscam vagas nos Jogos Paralímpicos de Paris.

“A expectativa é que Caroline, Lara, Mateus e Tayana alcancem grandes resultados e, assim, fiquem ainda mais próximos das vagas para os Jogos Paralímpicos. Todos os quatro estão bem preparados e têm boas chances de subir ao pódio na Para Powerlifting World Cup”, ressaltou.

Considerada uma das principais potências no paradesporto brasileiro, a equipe Futel/CDDU/Praia Clube teve importantes conquistas nacionais e internacionais no halterofilismo ao longo do ano passado, com destaque para as 5 medalhas nos Jogos Parapan-Americanos do Chile (ouro com Lara Lima e Tayana Medeiros, prata com Mateus Assis e Caroline Fernandes e bronze com Edilândia Araújo), em novembro.

A equipe ainda conquistou 6 medalhas no Campeonato Mundial de Halterofilismo, em Dubai, nos Emirados Árabes, em agosto, com Lara Lima (medalha de ouro na categoria “Até 41 kg – Next Generation”, prata por equipe, prata somatório júnior e bronze na categoria “Até 41 kg – Elite”), Ângela Teixeira (prata na categoria “Lendas – Acima de 45 anos”) e Tayana Medeiros (prata por equipe), representando a seleção brasileira.

Também pela seleção, em julho a equipe conquistou 9 medalhas (8 de ouro e 1 de prata) no Chile 2023 Invitational Competition, com Ângela Teixeira (4 medalhas de ouro), Caroline Fernandes (2 medalhas de ouro), Edilândia Araújo (2 medalhas de ouro) e André Paz (1 medalha de prata).

Veja Também

Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Se clicar em "Rejeitar Cookies", os cookies que não forem estritamente necessários serão desativados. Para escolher quais quer autorizar, clique em "Gerenciar cookies". Saiba mais em nossa Declaração de Cookies.

Configurações avançadas de cookies

Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies.

Cookies estritamente necessários

Esses cookies permitem funcionalidades essenciais, tais como segurança, verificação de identidade e gestão de rede. Esses cookies não podem ser desativados em nossos sistemas. Embora sejam necessários, você pode bloquear esses cookies diretamente no seu navegador, mas isso pode comprometer sua experiência e prejudicar o funcionamento do site.

Cookies de terceiros

O portal uberlandia.mg.gov.br não tem controle sobre quais cookies de terceiros serão ativados. Alguns cookies de terceiros que podem ser encontrados ao acessar o portal:
Domínios: Google, Youtube, consulte mais em