Secretaria de Cultura

Atual Reserva Técnica – Antiga Biblioteca Municipal

Atual Reserva Técnica – Antiga Biblioteca Municipal

Endereço: Praça Cícero Macedo, s/n

  • Tombado como Patrimônio Histórico Municipal pelo Decreto nº 11.632 de 13/04/2009. Registrado no Livro do Tombo Histórico, Inscrição XV, pág. 23.
  • O Prédio que abrigou a Biblioteca Municipal Juscelino Kubitschek de Oliveira ocupa um espaço urbano que é referência para a história da cidade pois ali foi construída a primeira Capela que deu origem à formação da cidade de Uberlândia.
  • A construção da primitiva Capela teve início nos anos de 1846. Posteriormente, foi ampliada se transformando em Matriz de Nossa Senhora do Carmo. Em suas proximidades surgiram as primeiras ruas e casas do Arraial que ficou conhecido como Nossa Senhora do Carmo e São Sebastião da Barra de São Pedro de Uberabinha, popularmente chamado de São Pedro de Uberabinha. No ano de 1929 a cidade, por sugestão de João de Deus, passou a se chamar Uberlândia.
  • Passados quase um século de sua edificação, a igreja foi demolida com a autorização da Cúria, no ano de 1943 e, no local, teve início a construção de um prédio para abrigar a Estação Rodoviária da cidade, em estilo neocolonial, de planta regular, alongada no sentido norte-sul, de dois pavimentos, possuindo platibanda arrematadas com telhas cerâmicas tipo capa-e-canal.
  • O andar do térreo foi construído nos limites do terreno e, hoje, seus vãos originais estão emparedados, o andar superior possui planta em forma de “T”. Ambos os andares possuem platibanda, sendo que a fachada norte do andar superior é coroada com um frontão arqueado na maneira corrente da época. Os interiores não apresentam a configuração original, possuem divisórias provisórias em ambos os andares.
  • O piso é parte cerâmico e vinílico em alguns trechos. O teto do térreo é a laje piso do andar superior, sendo que o último pavimento é forrado em gesso. As janelas são metálicas do tipo basculante, com vedações em vidro. A estrutura é de concreto com vedações em tijolo cerâmico. A decoração externa é composta de pequenas colunas torsas adossadas e frontões arqueados coroados com telhas tipo capa-e-canal. O jogo de volumes entre os andares, também, é evidente, mas foi prejudicado pelas descaracterizações do térreo.
  • No ano de 1976, a Estação Rodoviária foi transferida para o Bairro Martins, em uma edificação construída para abrigá-la sob a denominação de Estação Rodoviária Presidente Castelo Branco. Com a transferência da Estação para este novo endereço, o antigo prédio localizado na Praça Cícero Macedo foi destinado a ser Biblioteca Pública Municipal. Após ser reformado, o acervo foi para ali transferido e no dia 31 de agosto de 1976, dia do aniversário da cidade, a Biblioteca foi entregue à comunidade recebendo a denominação de “Juscelino Kubitschek de Oliveira“. No ano de 2020 a Biblioteca Municipal foi transferida para novo endereço e a edificação histórica recebeu nova função social.
  • Este espaço no qual surgiu o primitivo núcleo urbano de Uberlândia é referência para a história e memória local, pois, esconde e revela histórias que permanecem diluídas na sua arquitetura e geografia.
All articles loaded
No more articles to load