Notícias

Prefeitura de Uberlândia inicia cirurgias do programa ‘Uberlândia Mais Saúde’

Primeiro procedimento foi de retirada de vesícula e ocorreu na terça-feira (3); Hospital Madrecor foi a primeira instituição cadastrada no programa
4 de dezembro de 2019

Com dores abdominais constantes do lado direito, principalmente após as refeições, a dona de casa Juliene Aparecida Sousa, de 42 anos, ficou preocupada com a saúde. Procurou uma unidade saúde e logo veio o diagnóstico de cálculo na vesícula. Desde então, aguardava a realização de uma cirurgia de colecistectomia. A boa notícia para Juliene chegou nesta semana quando soube que seria a primeira paciente a realizar um procedimento por meio do programa “Uberlândia Mais Saúde”.

“Fiquei muito feliz com a notícia. Estava esperando pela cirurgia na rede pública porque, se fosse para pagar, eu não teria condições. Sentia muitas dores e isso me atrapalhava até no trabalho. Com a cirurgia, espero que tudo volte ao normal e que esse programa beneficie outras pessoas, assim como aconteceu comigo”, disse.

A cirurgia da Juliene aconteceu na terça-feira (3) e a alta foi na manhã desta quarta-feira (4).  A liberação dos procedimentos foi realizada após a assinatura da autorização entre a Prefeitura de Uberlândia e o Hospital e Maternidade Madrecor, para que a instituição iniciasse os procedimentos cirúrgicos eletivos da rede municipal.

Programa ‘Uberlândia Mais Saúde’

Sancionado em junho deste ano, o programa “Uberlândia Mais Saúde” garante a compensação de débitos tributários de instituições de saúde e clínicas privadas junto ao Município por meio da prestação de serviços que a população mais precisa. O Hospital e Maternidade Madrecor foi a primeira instituição credenciada e autorizada a realizar os procedimentos.

Com a assinatura do termo entre o hospital e a Prefeitura de Uberlândia, ficou acordado que a instituição se compromete a realizar as cirurgias eletivas de hérnias e retiradas de vesícula, que são consideradas as de maior demanda da população. A estimativa é de que, nos próximos dois anos, 6 mil cirurgias sejam realizadas em benefício da população.

O agendamento dos procedimentos continuará sendo feito pela Central de Regulação Municipal, conforme prioridades estabelecidas pela classificação e solicitação médica. Os pacientes serão chamados para a nova avaliação médica e realização dos exames pré-operatórios. Posteriormente, a Central fará os agendamentos das cirurgias. A expectativa da Prefeitura é que sejam realizadas de seis a oito cirurgias ao dia.

Veja Também

Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Se clicar em "Rejeitar Cookies", os cookies que não forem estritamente necessários serão desativados. Para escolher quais quer autorizar, clique em "Gerenciar cookies". Saiba mais em nossa Declaração de Cookies.

Configurações avançadas de cookies

Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies.

Cookies estritamente necessários

Esses cookies permitem funcionalidades essenciais, tais como segurança, verificação de identidade e gestão de rede. Esses cookies não podem ser desativados em nossos sistemas. Embora sejam necessários, você pode bloquear esses cookies diretamente no seu navegador, mas isso pode comprometer sua experiência e prejudicar o funcionamento do site.

Cookies de terceiros

O portal uberlandia.mg.gov.br não tem controle sobre quais cookies de terceiros serão ativados. Alguns cookies de terceiros que podem ser encontrados ao acessar o portal:
Domínios: Google, Youtube, consulte mais em