Notícias

Iniciada a colocação das vigas no Viaduto da rua Conrado de Brito

Estrutura facilitará o acesso à região Leste, favorecendo cerca de 20 mil veículos diariamente.
20 de agosto de 2020
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Teve início na manhã desta quinta-feira (20) mais uma importante etapa da obra de construção do Viaduto da rua Conrado de Brito, o transporte e a colocação das três vigas de sustentação. A intervenção faz parte das inúmeras obras de mobilidade urbana realizadas pela Prefeitura de Uberlândia por meio do programa Uberlândia Integrada II.  

A estrutura está sendo erguida entre as ruas Tito Teixeira e Manoel Gomes dos Santos. Com 35 metros de comprimento, o viaduto irá passar sobre a linha férrea e será mais um acesso entre os bairros Custódio Pereira e Alto Umuarama.Também serão favorecidas linhas do transporte público da região, com uma estimativa de mais de cinco mil passageiros e 20 mil veículos beneficiados diariamente. Atualmente, o único viaduto existente na região é o da rua Paulo Frontin.

Uberlândia Integrada II

Iniciada a colocação das vigas no Viaduto da rua Conrado de Brito 1
Foto: Araípedes Luz – Secretaria Municipal de Governo e Comunicação

A construção do Viaduto Conrado Brito pertence ao programa Uberlândia Integrada II, que já beneficiou a população com a entrega do prolongamento das ruas das Papoulas e dos Jasmins, a duplicação da ponte Cícero Naves de Ávila, as pontes das ruas da Carioca e Oscarina Cunha Chaves, bem como centenas de ruas e avenidas recapeadas.

Lançado inicialmente em 2011, o programa já contemplou diversas melhorias em infraestrutura e mobilidade urbana em sua etapa I, como o recém-inaugurado Terminal Dona Zulmira, a requalificação da avenida Rondon Pacheco, o prolongamento da avenida Anselmo Alves do Santos, Corredor Estrutural Leste e da avenida João Naves de Ávila, o Terminal Novo Mundo e os viadutos da avenida Rondon Pacheco e Nicomedes Alves dos Santos. Na etapa II, serão investidos mais de R$ 140 milhões provenientes do Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa) da Caixa Econômica Federal.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também