Notícias

Documentário “Mulheres de axé” é lançado no ‘Cultura em Casa’

Material dedicado à cultura afro encerra celebrações da Diretoria de Igualdade Racial no mês da mulher
31 de março de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

No intuito de enaltecer as raízes da mulher afro-brasileira dentro dos diversos espaços culturais em que atuam, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, por meio da Diretoria de Igualdade Racial, elaborou neste mês de março uma série de episódios para homenageá-las. O 3º e último vídeo lançado retrata o tema “Mulheres de axé – Religiosidade de Matriz Africana”. O conteúdo estará disponível nesta quarta-feira (31) à noite na plataforma ‘Cultura em Casa’, (acesse aqui).

O episódio da série conta com depoimentos de sete mulheres de oito etnias da religiosidade africana: Omolokô; Umbanda; Candomblé; Candomblé Nação Angola; Candomblé Nação Ketu e Jurema Sagrada; Tambor de Mina; e Ifá tradicional.

“É fundamental aprender a diversidade religiosa afro-brasileira para conseguirmos desmistificar o preconceito e racismo religioso que permanece no nosso imaginário social. Compreender o tema pela interlocução feminina é entender nossa amplitude histórica e o papel que a mulher estabelece em toda essa construção”, destacou a Diretora de Igualdade Racial, Pollyana Fabrini.

Além do Episódio “Mulheres de axé – Religiosidade de Matriz Africana”, dentro da plataforma ‘Cultura em Casa’, no tópico ‘Cultura Afro-Brasileira’, é possível assistir todos os vídeos da série dedicados ao mês da mulher, sendo eles, “Mulheres na Capoeira” e “Matriarcas do Carnaval”. (Confira aqui).

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também