Notícias

Aberto o 1º Ciclo de Estudos sobre a Nova Lei de Licitações com 1 mil inscritos

Serão cinco dias de encontros com profissionais renomados do direito; após grande procura pela capacitação sobre Nova Lei de Licitações, Prefeitura planeja novos ciclos de estudo
26 de abril de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O “1º Ciclo de Estudos sobre a Nova Lei de Licitações”, organizado pela Prefeitura de Uberlândia, foi iniciado, na noite desta sexta-feira (26), após receber 1 mil inscrições de representantes de todas as esferas de poder do país (executivo, legislativo e judiciário) e de várias cidades ligadas à Associação dos Municípios da Microrregião do Vale do Paranaíba (Amvap). Na abertura, o prefeito Odelmo Leão fez as honras agradecendo a presença no evento pioneiro e, na sequência, o senador relator da nova lei, Antônio Anastasia, e o ministro do TCU Raimundo Carreiro, fizeram suas exposições explicando tecnicamente aos participantes porque o novo arcabouçou trouxe mais segurança jurídica e controle no processo de aquisições e compras no poder público.

            “Com grande satisfação que congratulo a participação de pessoas de todos os cinco cantos do País neste evento que pretende discutir um assunto que veio para otimizar o serviço público nacional. Com certeza, engrandecerá muito o trabalho de todos em suas áreas em prol das comunidades do Brasil”, ressaltou o prefeito Odelmo Leão.

            O senador Antonio Anastasia confirmou o pioneirismo do evento antes de explanar tecnicamente aos presentes os aperfeiçoamentos da lei da qual relatou. “Uberlândia saiu na frente. É o primeiro município que realiza evento dessa grandiosidade, congregando interessados e especialistas de todo o País. Essa lei é muito importante, pois demos continuidade, aperfeiçoamento, sofisticação ao arcabouço ao que aí estava. O objetivo foi proporcionar um aumento na segurança jurídica para que o gestor, empresários, cidadão e toda a sociedade saibam que os objetivos dos poderes públicos serão atingidos”, pontuou, citando como inovações da nova lei a instituição de um Portal Nacional de Contratações Públicas e dos processos na forma eletrônica.

Aberto o 1º Ciclo de Estudos sobre a Nova Lei de Licitações com 1 mil inscritos 1

 Por sua vez, o ministro do TCU Raimundo Carreiro explanou sobre 11 pontos da nova lei que considerou inovações aos participantes. “Ao meu ver, a nova lei comporta com certeza um aperfeiçoamento da administração pública. Essa lei traz, sobretudo, traz mais transparência com muita honra”, afirmou.

            Quem também debateu o assunto nesta abertura foi o promotor de Justiça em Uberlândia Fernando Martins, que, na oportunidade, também elogiou o evento. “Congratulo o prefeito Odelmo Leão. Destaco a capacidade de ser gestor e política, nesta complexidade do dia a dia. Além disso, ressalto que essa legislação é capaz, e sou torcedor, que ela garantirá o desenvolvimento estatal, social e dos vulneráveis”, finalizou.

            O presidente da Amvap e prefeito de Gurinhatã (MG), Wender Luciano de Araújo, e o advogado e mestre em direito pela PUC-MG Rodrigo Ribeiro Pereira também participaram do debate nesta primeira etapa.

Aberto o 1º Ciclo de Estudos sobre a Nova Lei de Licitações com 1 mil inscritos 2

Cinco dias

Até sexta (30), palestras e debates com profissionais renomados do direito serão realizados gratuitamente e on-line para interessados em entender melhor a lei federal número 14.133/2021. O sucesso da procura pelo evento pioneiro fez com que a administração municipal, por meio da Escola de Governo da Secretaria Municipal de Gestão Estratégica, já começasse a planejar novos ciclos de estudos.

            Durante cinco dias, a capacitação, dividida em quatro módulos, ocorre por meio da plataforma Zoom. Confira a seguir o que será discutido no decorrer da semana:

–       Terça-feira (27), Módulo I

  •          Tema: “Administração pública contemporânea e os princípios do novo marco das licitações e contratos administrativos”, com o promotor Fernando Martins
  •          Debatedoras: a assessora jurídica Claudiana Aparecida da Silva e a assessora jurídica e de controle Mariana Pereira de Carvalho

–       Quarta-feira (28), Módulo II

  •          Tema 1: “Modalidades de licitação”, com a advogada, consultora em licitações e contratos e presidente do Instituto Nacional da Contratação Pública (INCP) Gabriela Pércio.
  •          Tema 2: “A nova lei e a dimensão dos controles”, com o auditor federal de controle externo do TCU e instrutor da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), Márcio Motta Lima da Cruz fará uma palestra sobre.
  •          Debatedores: o controlador geral do município de Uberlândia, Modesto Geraldo Rabelo, e o assessor administrativo, financeiro, contábil e de controle Patrick Boaventura Martins de Lima

–       Quinta-feira (29), Módulo III

  •          Tema: “Inovação da nova lei de licitações”, com o advogado da União Ronny Charles Lopes de Torres, também autor de livros voltados para a área de licitações
  •          Debatedores: os procuradores municipais Juliana Pereira de Assis e Wilson Carlos Esteves Leite Filho

–       Sexta-feira (30), Módulo IV

  •          Tema: “Inexecução contratual, sanções administrativas e resoluções de controvérsias à luz do novo microssistema”, com o advogado e doutor em Direito Público pela Ludwig Maximilians Universität (LMU) de Munique (Alemanha), Thiago Marrara
  •          Debatedores: o assessor jurídico de Gestão Estratégica Jhonatan Cândido Félix e o procurador municipal, encarregado e auditoria e controle e mestre em Direito pela UFU José Júnior Alves da Silveira.

Saiba mais sobre o “1º Ciclo de Estudos sobre a Nova Lei de Licitações” na página dedicada ao assunto no Portal da Prefeitura.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também