Notícias

Inscrições para oficinas e palestras do Festival de Culturas Populares começam segunda (2)

Seleção vai compor programação cultural e artística organizada pela Prefeitura com recursos do Pmic
30 de julho de 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Divulgação

Mais dois processos de seleção de atividades para o Festival de Culturas Populares estarão com inscrições abertas a partir de segunda-feira (2). Até o dia 9 de agosto, poderão artistas que residem e atuam na cidade poderão se inscrever pela internet com propostas de oficinas criativas ou como palestrantes. Na página de editais da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo estão todas as informações sobre a participação. As inscrições são feitas pela plataforma Google Forms. (Confira aqui)

O festival conta com uma programação cultural e artística que vai movimentar Uberlândia nos próximos meses e é organizada pela Prefeitura com apoio do Sistema Martins, por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Pmic). Filmes, oficinas, palestras, exposições, sarau literário e diversas apresentações estão em destaques. Já estão em andamento as seleções para a Mostra de Cinema (cujas inscrições vão até dia 6 de agosto) e para propostas de grupos e coletivos (que puderam se inscrever até 25 de julho).

Confira abaixo as informações sobre as novas inscrições:

–       Seleção de profissionais para oficinas criativasinscrições de 2 a 9 de agosto. Serão selecionadas nove propostas. Podem participar pessoas físicas e jurídicas que apresentem propostas inéditas e adequadas à transmissão pela internet. Cada hora-aula deve ter de 30 a 60 minutos de duração. O cachê artístico, a ser pago para cada selecionado após execução da proposta, varia de R$ 1,6 mil a R$ 5,6 mil, conforme o tipo de oficina a ser realizada. A carga horária por oficina criativa vai de 20 a 70 horas/aula. (Saiba mais aqui)

–      Seleção de palestrantes: inscrições de 2 a 9 de agosto. Serão selecionados cinco profissionais para o “Círculo de Diálogos e Reflexões”. Para participar, o palestrante precisa ter experiência em um dos seguintes eixos temáticos: “Memórias do saber e do fazer”, “Saberes tradicionais e ancestralidade”, “Corpo e subjetividade nas artes da cena”, “Pedagogias decoloniais” e “Políticas culturais, escrita cidadã e você”. Será repassado um recurso de R$ 1 mil por palestrante. (Clique aqui e saiba mais)

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Veja Também